Pesquisar este blog

sábado, 30 de julho de 2011

Prazos Decadenciais


Prazos Decadenciais

Existem dúvidas quando adquire um produto e o artigo apresenta algum problema ou defeito de fábrica. A solução é exigir seus direitos, que somente o Código de Defesa do Consumidor assegurar-lhe-á.

É uma realidade que muitos vivem ao passar por esse transtorno. Para que não perca o direito adquirido tem que estar de olho nos Prazos Decadenciais, em suma é o tempo que o cliente tem para reclamar, passado este, o direito não exercido entra em decadência.

No fluir dos relatos:

30 dias: para reclamar de vícios aparentes e de fácil constatação no fornecimento de serviços e produtos não duráveis. (CDC. art. 26, I)

90 dias: na mesma hipótese para serviços e produtos duráveis. (CDC. art. 26, II)

Em linhas gerais, é complicado saber distinguir. Produtos não duráveis são flores, alimentos, refrigerantes etc;­­­ ao passo que produtos duráveis consiste em carros, eletrodomésticos, moveis, entre outros...

O prazo começa a contar no momento em que o item exibir problemas, com base nisto, tem que estar atento e ressalta-se a importância de procurar seus direitos o mais rápido possível, uma vez vencido, tornará mais difícil exigir algo.

Baile do Chevet


Você está convidado a prestigiar o baile do Chevet, no Ginásio Municipal de Esportes, dia 6 de agosto.

Será sorteado um Automóvel Chevet entre os participantes do evento, estará animando o baile Gurizada Fandangueira.

quarta-feira, 27 de julho de 2011

Sustentabilidade Ambiental

Todos os dias a mídia escrita e falada nos bombardeia com notícias negativas, cito: Acidentes, assaltos, assassinatos, terremotos etc...

Mas ao contrário falado, também estamos um pouco mais familiarizados com a palavra sustentabilidade ambiental, mas será que sabemos o que esse vocábulo quer dizer?

Sustentabilidade- É uma maneira de buscar o desenvolvimento econômico e ao mesmo tempo preservar o ecossistema; usufruir os recursos naturais de uma forma consciente, sem esbanjamentos, ou seja, um consumo não exagerado. Gerando riqueza, conforto e emprego para milhares de pessoas, assim garantindo um futuro para as próximas gerações.

A conscientização da população é muito importante, caso não haja, restará para o amanhã, solo pobre, poluição atmosférica, falta de água, a biosfera estará totalmente imunda.

Sustentabilidade ambiental consiste em diminuir a aplicação de agrotóxicos em lavouras, uso de biocombustíveis, controle da natalidade, energia eólica, reciclagem, tudo isso ajudará a cuidar do meio ambiente.

Porém estas belas palavras ficam só no papel, sendo as indústrias que liberam um alto índice de poluição no bioma, parece que os proprietários dos meios de produção não aderem a este sistema, infelizmente o dinheiro fica num lugar de destaque na sociedade que vivemos.

terça-feira, 26 de julho de 2011

Minha primeira postagem, depois de muito tempo.

Estamos vivendo num mundo, em que cada vez mais é necessário uma comunicação concisa e clara, estamos no século XXI e a tecnologia faz parte de nossa vida para nos auxiliar, a internet é um marco que faz parte de nossa realidade, e o Blog é uma forma de se expressar.

Há pedido de amigos resolvi voltar a escrever no meu blog, a partir de hoje tenho o objetivo de minutar assuntos dos mais variados ramos, também em especial na área do Direito em que estou cursando na Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões.

Agora vou falar um pouco sobre o que é ARRAS, campo do Direito.

Gostaria de FRISAR o que vou escrever neste momento são estudos que realizei, usei como guia para saciar minha sede de conhecimento o seguinte site www.jurisway.org.br.

Indico o site Jurisway para quem gostaria de saber um pouco mais sobre este tema.

Bom como havia dito nas entrelinhas acima irei relatar o que é ARRAS?

ARRAS- É, uma certa quantia em dinheiro ou alguma coisa entregue como garantia da execução de contrato. Resumo: Em linhas gerais, representa um valor pago em dinheiro ou um bem dado antecipadamente a titulo de adiantamento com o caráter de confirmar um contrato.

Existem dois tipos de ARRAS:

Penitenciais- Que são utilizadas como pagamento de indenização pelo arrependimento e não conclusão do contrato.

Confirmatórias- Quando representam uma prestação efetiva, realizada em garantia da conclusão de um contrato.

Espero ter ajudado aqueles que estavam em dúvida.

Volto a dizer o que foi escrito são estudos realizados através do site www.jurisway.org.br.